Dispatch

UNFPA e PSI firmam parceria em prol da melhoria da Saúde da Mulher Jovens e Adolescentes

20 May 2016
Florbela Fernandes, Representante do UNFPA e Anya Fedorova, Representante do PSI

Luanda- O Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA) e   a organização Population Services International (PSI), celebraram no passado dia 19 de Maio, um acordo de cooperação técnica, por meio de um documento de parceria entre as duas instituições voltada para a colaboração assente nos mandatos e regulamentos relevantes de ambas as instituições. O acordo foi rubricado por parte do UNFPA pela sua Representante em Angola, Florbela Fernandes e pelo PSI Anya Fedorova, Representante Residente assinou o acordo.

O UNFPA e o PSI, concordaram em colaborar e manter estreitas e contínuas relações de trabalho, a fim de dinamizar e promover a Saúde Sexual e Direitos Reprodutivos, a participação dos jovens, e o acesso ao Planeamento Familiar, incentivando a participação do Governo e Organizações da Sociedade Civil e o sector privado nesse sentido.

O acordo visa contribuir para a melhoria das capacidades do Governo e da Sociedade Civil na formulação e na implementação do Programa de Planeamento Familiar, capacitação e acções de advocacia entre as diferentes instituições incluindo Sector Privado, em prol da promoção da saúde sexual e reprodutiva, com especial foco nos adolescentes e jovens. Foi também acordado a troca de informações e estudos e  pesquisas de assuntos de interesse comum bem como colaboração em projectos, e programas no desenvolvimento de políticas para Saúde Sexual e Reprodutiva.

A cooperação técnica entre as duas instituições busca incentivar e apoiar o Governo a implementar acções que visam a Redução da Mortalidade Materna e promovam a qualidade de vida dos jovens.

O UNFPA, a partir da sua experiência em dinâmicas populacionais, direitos humanos e igualdade de género, tem concentrado esforços na busca do acesso universal à saúde sexual e reprodutiva, na promoção dos direitos reprodutivos, redução da mortalidade materna trabalhando para criar um mundo em que todas as gestações sejam desejadas, todos os partos sejam seguros e cada jovem alcance seu potencial.

Durante o encontro que culminou com a assinatura do acordo, Florbela Fernandes enfatizou o desejo e vontade da equipa que dirige em converter os objectivos em acções concretas que possam fazer diferença na vida das pessoas, por seu turno Anya Fedorova Representante Residente do PSI apontou como uma das primeiras acções o lançamento oficial do projecto “ Saúde da Mulher” em parceria com o Ministério da Saúde e outros parceiros de implementação, ressalvando que a sua organização buscará activamente o envolvimento do sector privado. 

O UNFPA e PSI concordaram em convidar representantes de seus parceiros de implementação para participar de reuniões técnicas, encontros, conferências, seminários e outros eventos convocados para a promoção e advocacia da saúde sexual e reprodutiva, planeamento familiar e VIH.