You are here

UNFPA Angola apoia CNJ no Lançamento do Projecto “Patrulha Stop COVID-19”

O Conselho Nacional da Juventude (CNJ), com o apoio do Ministério da Juventude e Desportos (MINJUD), do Ministério da Saúde (MINSA) e do Governo Provincial de Luanda, em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA) e a Organização Mundial de Saúde (OMS), procedeu ontem, no dia 7 de Maio, ao Lançamento oficial do Projecto “Patrulha Stop COVID-19”.

O CNJ está a desenvolver uma campanha nacional de sensibilização comunitária, para observação das medidas de prevenção, segurança e combate à pandemia COVID-19 em todo o território nacional.

O vice-presidente do CNJ, Massangano Domingos, que coordena o projecto indicou que os Conselhos Provinciais da Juventude estão todos engajados na campanha que já mobilizou em todo país 7.893 jovens das diferentes associações juvenis membros do CNJ, para acção da Juventude, face ao combate à COVID-19, com foco na sensibilização das pessoas nos mercados, nas paragens de transportes públicos e nas unidades hospitalares.

Segundo Massangano Domingos: “o cumprimento das medidas de prevenção, para se evitar a transmissão comunitária do vírus é a principal mensagem que os patrulheiros transmitem aos cidadãos em locais públicos nos municípios, distritos, comunas e bairros de todo o país”.

No referido evento esteve presente Sua Excelência, Dr. Sérgio Luther Rescova Joaquim, Governador de Luanda, o Director da ONU/SIDA em Angola, Michel Kouakou, em representação da Representante do Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA), Dra. Florbela Fernandes, várias entidades governamentais, das Nações Unidas e de associações juvenis.

O UNFPA está a colaborar com o Conselho Nacional da Juventude porque acredita que os jovens podem ser um recurso importante na mitigação de riscos e no alcance da comunidade com mensagens chave perante a pandemia do COVID-19. Para o efeito, eles precisam seguir estritamente as directrizes nacionais sobre triagem, testes, contenção e cuidado e prática de distanciamento social.

O Fundo das Nações Unidas para a População tem o compromisso de chegar a cada vez mais jovens com informação, nomeadamente 150.000 até 2022, e também assegurar que o potencial de cada jovem seja realizado.